Portuguese English German Italian Spanish

Dengue, chikungunya e zika: Elimine os focos e o mosquito não aparece

  • Quinta, 26 Março 2020 09:46
  • Publicado em Saúde
  • Lido 2457 vezes

Os cuidados no combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, da chikungunya e do zika vírus, devem durar todo o ano, principalmente, em períodos de chuvas. A maior parte dos criadouros do mosquito são encontrados dentro das residências, e seus ovos podem resistir por aproximadamente dois anos em ambiente seco. Se o local em que ele foi depositado – uma garrafa, um pratinho de vaso de planta, por exemplo – não for eliminado, o ovo ficará ali esperando uma oportunidade para eclodir, ou seja, quando chover.

A população deve ficar atenta ao acúmulo de água em locais como calhas, pneus velhos, garrafas, além de manter quintais sempre limpos. É preciso trocar a água dos pratos de plantas. Também deve-se tampar tonéis, depósitos de água, caixas d’água e qualquer tipo de recipiente que possa reservar água, para, assim, evitar sua proliferação.

De acordo com a Vigilância em Saúde, somente neste ano, Domingos Martins já notificou 41 casos suspeitos de dengue. Destes, três deram positivo, porém são casos importados, ou seja, a doença foi contraída fora do município. Outras três notificações aguardam resultado de exames e os demais deram negativo.

Também neste início de ano, as notificações suspeitas de chikungunya totalizam quatro, duas esperam resultado de exames e duas deram negativo para a doença. Ainda não há registros de zika vírus em 2020.

Saiba identificar o mosquito

É fácil identificar o Aedes aegypti e diferenciá-lo do mosquito popularmente conhecido como pernilongo. O transmissor da dengue tem hábitos diurnos, mas pode picar à noite; é escuro com listas brancas; é um pouco menor quando comparado ao pernilongo; costuma voar mais baixo e tem uma picada indolor.

Mesmo com todos os cuidados, se for picado e apresentar sintomas como febre alta e mal-estar geral, acompanhados de manchas avermelhadas pelo corpo, exantema (erupção cutânea), coceira leve, dor no corpo, dor de cabeça, procure imediatamente o médico, para que possa iniciar o tratamento mais adequado.

Prevenção dever ser permanente

Manter uma rotina de limpeza semanal nos possíveis locais de reprodução do mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya é importante no processo de eliminação do Aedes aegypti. Para auxiliar nesse processo, a dica é fazem um check list com os cuidados a serem realizados.

check list dengue

Para usar essa lista é simples: imprima o checklist e deixe fixado em um local visível em casa como na geladeira ou atrás da porta.  Marque a data em que irá realizar as tarefas como limpeza da calha, vasos de plantas, caixas d’água, entre outros. Quinze minutos por semana é suficiente para realizar os cuidados.

Redobre os cuidados com ralos, descarte do lixo e a limpeza de calhas e de telhas são fundamentais para evitar o surgimento de novos criadouros. Confira as dicas:

- Utilização de ralos: Se os da casa não possuem sistema para vedação, instale telas. O mosquito gosta de lugares escuros e úmidos para se proliferar, por isso, os ralos são lugares ideais;

- Descarte o lixo corretamente: Programe-se para fazer o descarte do lixo nos locais corretos e em horários próximos à coleta de lixo. Isso evita o acúmulo de água nos dias chuvosos;

- Limpeza de calhas e telhas: Com as chuvas de verão, é comum que telhas e calhas fiquem carregadas de folhas e outras sujeiras. É preciso manter a limpeza desses locais em dia pare evitar obstruções e, consequentemente, o acúmulo de água parada.

Avalie este item
(0 votos)
  • Última modificação em Quinta, 23 Abril 2020 09:28
  • tamanho da fonte
Assessoria de Comunicação

Prefeitura Municipal de Domingos Martins
Tel.: (27) 3268-1166 / 9 9971-6498

E-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Prefeitura Municipal de Domingos Martins

brasaoRua Bernardino Monteiro, 22 - Centro- CEP 29260-000
Expediente: 8h às 11h30 - 13h às 17h  
Fone (27) 3268-1239 - 3268-1124
Veja no Mapa

Links Úteis

portariastn contas-publicas
nfe issbancario